Projeto da Fundação Bienal de Arte de Cerveira selecionado no 10.º Prémio Ibermuseus de Educação

Finalizada a primeira etapa de trabalho das Comissões Nacionais, o projeto “LAC – Laboratório de Aprendizagem Criativa” da Fundação Bienal de Arte de Cerveira é um dos 6 projetos portugueses finalistas do “10.º Prémio Ibermuseus de Educação”. O resultado final da convocatória será divulgado até 31 de dezembro de 2019.

O “Prémio Ibermuseus de Educação” tem como objetivo reconhecer e fomentar a realização de projetos educativos em museus, incentivando seu papel enquanto agentes de transformação social e sua contribuição para o desenvolvimento sociocultural e económico das comunidades onde se inserem.

A iniciativa “LAC – Laboratório de Aprendizagem Criativa”, promovida pelo Serviço Educativo da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, é um dos selecionados da “Categoria I” deste concurso, a qual premeia os melhores projetos já realizados ou em fase de execução.

No total, participam nesta décima edição mais de 150 museus e instituições culturais e educativas de 15 países – Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, México, Nicarágua, Peru, Portugal, Uruguai e Venezuela.

Finalizado o prazo para a apresentação de recursos os projetos passam agora a ser avaliados pelas Comissões Nacionais de Avaliação, sendo que as três iniciativas de cada país e cada categoria com maior pontuação prosseguirão à etapa de Classificação Final. O resultado final da convocatória será divulgado até 31 de dezembro.

Serão distribuídos mais de 66 mil euros em oito prémios. O primeiro lugar na Categoria I receberá mais de 13 mil euros, o segundo mais de 6 mil e o terceiro mais de 2.600€. Os cinco vencedores da Categoria II receberão 8900€ cada um. Além disso, 17 projetos receberão uma menção honrosa na Categoria I. Todos os apurados serão integrados ao “Banco Ibermuseus de Boas Práticas”.

De recordar que o “LAC – Laboratório de Aprendizagem Criativa” é um projeto que abrange até 2021 jovens estudantes dos Agrupamentos de Escolas de Vila Nova de Cerveira, Melgaço e Valença e tem como objetivo melhorar a qualidade de aprendizagem dos alunos, promover o sucesso escolar e reduzir a taxa de insucesso e abandono através da dinamização de oficinas temáticas que trabalham temas da cultura e da arte contemporânea indo ao encontro dos programas curriculares. É uma ação integrada no projeto Scholl4All – Vila Nova de Cerveira, promovido pelo Município de Vila Nova de Cerveira, no âmbito do PIICIE, cofinanciado pelo Norte 2020/FSE.

 

 

X